17 de jul de 2011

VEGETARIANOS SOFREM MENOS COM PROBLEMAS COMO INFARTO, DIABETES E DERRAME

Vegetarianos sofrem menos com problemas como infarto, diabetes e derrame

Os vegetarianos – pessoas que não comem nenhum tipo de carne – têm 36% menos chances de enfrentar uma doença chamada Síndrome Metabólica, que é a porta de entrada para doenças cardíacas, diabetes e derrame. É o que aponta um estudo realizado na Universidade Loma Linda, nos Estados Unidos.

A Síndrome Metabólica, também chamada síndrome de resistência à insulina, inclui um conjunto de problemas de saúde: nível de triglicerídeos baixo, baixo nível de colesterol HDL (o bom), pressão alta, resistência à ação da insulina (substância necessária para transformar açúcar em energia), nível alto de glicose.

Os pesquisadores avaliaram 700 pessoas adultas. Desse total, 35% eram vegetarianos. Esse grupo, juntamente com os semi-vegetarianos, tinham, em média, três anos de idade a mais que os não-vegetarianos. Mas, apesar de serem mais velhos, os vegetarianos apresentaram taxas mais baixas de triglicerídeos, glicose, pressão sanguínea, circunferência da cintura e de IMC (Índice de Massa Corporal).
De acordo com o pesquisador Nico Rizzo, principal autor do estudo, os semi-vegetarianos também apresentaram menor circunferência da cintura e IMC mais baixo.
Os resultados mostraram ainda que, enquanto 25% dos vegetarianos sofrem de Síndrome Metabólica, esse número sobe para 37% entre os semi-vegetarianos e 39% entre os não-vegetarianos.
- Eu fiquei surpreso com a diferença de resultados entre vegetarianos e não-vegetarianos. Isso indica que alguns fatores, como a dieta, podem ser importantes na prevenção da doença.
Para Rizzo, o trabalho mostra que uma boa alimentação diminui as chances de problemas cardiovasculares.


Nenhum comentário:

Postar um comentário