30 de nov de 2012

DYLAN - RESGATADO DA INDÚSTRIA DE LATICÍNIOS PELO SANTUÁRIO DE ANIMAIS WOODSTOCK


No final de agosto de 2005, Jenny Brown recebeu um telefonema de algumas pessoas preocupadas com o tratamento dado aos bezerros recém-nascidos em uma fazenda vizinha em Hoosick Falls, Nova York.  
Como é a norma na indústria, vacas adultas são mantidas quase que ininterruptamente grávidas para maximizar a produção e os bezerros são separados delas logo após seu nascimento.
Dylan era só mais um pequeno recém-nascido que foi separado de sua mãe menos de 48 horas após seu nascimento.  
Como um macho, ele não tinha futuro na indústria leiteira, e por ser da raça Holstein, ele não tinha futuro como gado de corte. 

Seu destino era tornar-se vitela.
Porém, felizmente, tudo mudou quando, com apenas 5 dias de vida, ele foi encontrado amarrado a um poste, sobre suas próprias fezes, um dia antes de ser leiloado e foi resgatado pela Woodstock Farm Animal Sanctuary.

Hoje ele tem 7 anos de idade. ( Veja o vídeo )

"Ele adora massagens, guloseimas e carinho assim como nossos cães - e sua vida é igualmente importante. " diz Jenny Brown

O Woodstock Farm Animal Sanctuary  é um santuário de animais que abriga vacas, porcos, galinhas, perus, patos, ovelhas e cabras que foram resgatados de situações de abuso, negligência e abandono.

Veja algumas fotos de Dylan :
dylancu
dawndylan2
                             dylanandolyiv           
                          dylan-birthday2
dylan-birthday3

É triste lembrar que nem todos têm a mesma sorte que Dylan teve.
Difícil entender como algumas pessoas preferem ver um animal lindo, adorável e manso como este, morto em um prato.

Salve vidas! Seja vegetariano!

Tradução: Dani Vasques
Fonte: Woodstock



Saiba mais sobre a indústria de laticínios AQUI


CAMPANHA DO SANTUÁRIO PEACEFUL PRAIRIE EM ÔNIBUS ESPALHA MENSAGEM VEGANA POR VANCOUVER


Peaceful PrairieSite ) é uma organização sem fins lucrativos que oferece lar seguro, amoroso e permanente para animais resgatados, e também promove o estilo de vida vegano como a forma mais eficaz para reduzir o sofrimento e exploração de animais.
Eles são responsáveis ​​pela campanha 'GoVeganNow' que foi vista circulando nas laterais dos ônibus de transporte público de Vancouver, Canadá, em 2010.
No interior dos ônibus ainda haviam pequenos posteres que podiam ser visulizados pelos passageiros.

Seria ótimo ver iniciativas como essa aqui no Brasil!


 


Fonte

28 de nov de 2012

RECEITA DE SORVETE DE BANANA CARAMELADA COM CALDA ( VEGANA )


 - Ingredientes
-

Sorvete :
5 bananas prata maduras
5 colheres de sopa de açúcar (pode ser substituído por açúcar mascavo ou melado de cana)
1 colher de sopa de margarina vegana
1 colher de chá de canela em pó
1 xícara e meia de leite de soja
1 colher de chá de essência de baunilha
Sumo de ½ limão
Chocolate vegano ou castanhas de caju para decorar

Calda de Canela:

1 xícara de açúcar (pode ser substituído por açúcar mascavo ou melado de cana)
1/2 xícara de água
2 colheres de chá de canela em pó
1 xícara de leite de soja

Modo de preparo :

Sorvete: Comece preparando a banana caramelada no forno. Em um refratário que possa ir ao forno, misture as bananas cortadas com 3 colheres de açúcar, a margarina e a canela. Leve ao forno em temperatura baixa por aproximadamente 1h, misturando de vez em quando. Deixe essa mistura esfriar um pouco e então processe as bananas juntamente com o leite de soja, o restante do açúcar (2 colheres de sopa), a baunilha e o limão, até que forme um creme. Leve o creme ao congelador e deixe gelar no mínimo por 12h. Sirva com raspas de chocolate vegano por cima ou castanhas de caju.

Calda: Em uma panela, junte o açúcar e água. Leve ao fogo brando, mexendo até que o açúcar tenha dissolvido completamente e comece a ferver. Cozinhe a calda até ficar cor de caramelo, sem mexer. Diminua o fogo e adicione a canela dissolvida no leite de soja. Cozinhe mexendo de vez em quando, por cerca de 20 minutos ou até o molho encorpar levemente.

                                                                                      
Foto: Gato Negro 
Fonte: Gato Negro

27 de nov de 2012

NO DISTRITO FEDERAL, VEGETARIANOS JÁ SOMAM 10% DA POPULAÇÃO


Vegetarianos já somam 10% da população do Distrito Federal e número não para de crescer

São aproximadamente 300 mil pessoas que substituíram os alimentos de origem animal do cardápio.
Quem escolheu o novo estilo de vida, garante que a comida vegetarina também pode ser variada.
O estudante, Adriano Golçalves, se tornou vegetariano há 7 anos. Ele afirma que não sente falta de carne e que o vegetarianismo o deu uma expectativa de vida mais saudável .


TOFU SOFT ECOBRAS


O tofu da Ecobras é produzido a partir de leite de soja extraído com sistema de ultra filtragem, evitando-se a presença do bagaço de soja.
Rico em cálcio e proteínas, o tofu contém todos os aminoácidos essenciais além de minerais como ferro, magnésio, potássio, zinco, fósforo, vitaminas do complexo B e vitamina E além de conter baixas calorias e ser isento de colesterol.
O tofu Ecobras é coagulado com cloreto de magnésio (nigari) e sulfato de cálcio natural e é apresentado em 4 versões: Tofu Firme, Tofu Soft, Tofu Salsa e Tofu Cottage.
A Ecobras é representante exclusiva dos coagulantes naturais importados da empresa japonesa Mitoku.
Os alimentos produzidos pela Ecobras são feitos à base de soja orgânica.

 Validade: 03 meses
Certificados pela Ecocert e com certificação Kosher.
LIVRE DE TRANGÊNICOS, SEM COLESTEROL E LACTOSE
NÃO CONTÉM GLÚTEN 



FLORIANÓPOLIS: PALESTRA SOBRE DIREITOS ANIMAIS


 A FALA Brasília ( Frente Frente de Ações pela Libertação Animal Brasília ) e os ativistas de Santa Catarina convidam todos para palestras sobre Direitos Animais na UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina) e UDESC (Universidade do Estado de Santa Catarina), com degustação de comida vegana e sessão de autógrafos com a Dra. Sônia Felipe, autora do recém-lançado livro "Galactolatria: mau deleite" (que aborda as implicações éticas, ambientais e nutricionais do consumo de leite bovino).

Palestrante: Bruno Pinheiro
Links para os eventos:
UDESC (quarta, 28/11): www.facebook.com/events/360912234000069/
UFSC (quinta, 29/11): www.facebook.com/events/534867853207762/
Às 20h


 


25 de nov de 2012

VEGETARIANOS TÊM VIDA SEXUAL MELHOR, DIZ ESTUDO


'Os vegetarianos têm uma vida sexual melhor', diz novo estudo

Pessoas que comem tofu, legumes e verduras podem desfrutar de uma vida sexual melhor do que aquelas que consomem carne.
Consumir muita soja, que é rico no 'hormônio sexual', aumenta a atividade sexual.

De acordo com um estudo publicado no jornal Hormones and Beahavior, pessoas que consomem o tofu e outros alimentos à base de plantas podem desfrutar de uma vida sexual melhor do que pessoas que comem carne.
A explicação é de que esses alimentos, típicos da dieta vegetariana, podem influenciar os níveis de hormônio e aumentar a atividade sexual, segundo o líder do estudo Michael Wasserman, do Departamento de Ciências Ambientais, Política e Gestão da Universidade de Berkeley
As informações são do tabloide inglês Daily Mail.

De acordo com uma campanha da ONG PETA, o colesterol presente em carne, ovos e laticínios podem entupir as artérias e diminuir o fluxo de sangue para todos os órgãos do corpo, incluindo os órgãos sexuais..
Refeições vegetarianas, por outro lado, não contêm nenhuma das gorduras animais ou colesterol encontrados na carne, ovos e produtos lácteos.
"Quando se trata de relações sexuais, aqueles que comem carne podem ser tão lentos quanto o sangue tentando se espremer através de suas artérias obstruídas –  já os veganos têm a resistência para manter a festa por toda noite", afirma Mimi Bekhechi, da ONG pelos Direitos dos Animais, PETA, no Reino Unido.


23 de nov de 2012

"A ENGRENAGEM" - DOCUMENTÁRIO DO INSTITUTO NINA ROSA


Você sabe de onde vem a sua comida ? Você sabe como ela produzida e quais os impactos dessa produção no meio ambiente?
O curta "A Engrenagem", produzido pelo Instituto Nina Rosa ( Site ), organização independente que promove os direitos dos animas, consumo sem crueldade e vegetarianismo, tem o objetivo de alertar sobre os impactos causados pelo consumo de produtos de origem animal..

A discussão sobre o veganismo e seus benefícios ao meio ambiente e ao futuro é extensa e muito mais complexa do que simplesmente parar de comer carne. Envolve a diminuição da poluição atmosférica, a preservação de recursos vegetais e hídricos, e muitas outras questões.

Numa linguagem descontraída, o filme tem a participação voluntária da modelo e apresentadora Ellen Jabour e do ator Eduardo Pires, ambos vegetarianos.

Assista :


O Instituto Nina Rosa é responsável também pelo famoso documentário brasileiro sobre o consumo de carne, "A Carne É Fraca" (www.carnefraca.com.br)



Fonte : Instituto Nina Rosa

Documentário sobre a ativista pelos direitos animais Jill Phipps será exibido no no CineVEDDAS (SP)

                          Foto: Divulgação

O Documentário sobre a história de Jill Phipps, ativista pelos direitos animais, morta durante um protesto, será exibido no CineVEDDAS, neste sábado, em SP.

Com a presença de John Curtin, diretor do filme e ativista dos primórdios da ALF ( Animal LIberation Front) na Inglaterra.

A exibição será seguida de palestra com o diretor do filme.

Local : Matilha Cultura, Rua Rego Freitas, 542 - SP
Data : Sábado 24/11/2012
Das 15:30 h às 18h

Entrada Franca



"A nossa tendência é não querer ver." (Nina Rosa)


"A nossa tendência é não querer ver, pra não sofrer.
Mas não podemos mudar aquilo que não conhecemos.
Se você não olhar nos olhos desses animais e perceber e atender o seu pedido de socorro, 
não poderá nunca ajudá-los.
 E se você ficar indignado, melhor. É assim que as mudanças
acontecem."

(Nina Rosa Jacob, do Instituto Nina Rosa)


21 de nov de 2012

RESTAURANTE E PIZZARIA ASSEAMA - 100% VEGANO


O restaurante e pizzaria da ASSEAMA (Associação Espírita Amigos dos Animais), inaugurado no dia 30 de julho deste ano, ficou rapidamente conhecido por suas comidas deliciosas e 100% veganas ( sem ingredientes de origem animal).

O restaurante-pizzaria fica na Av. Comandante Antonio Paiva Sampaio, 122 – Tucuruvi – São Paulo-SP
Telefone: (11) 2201-2405

Horários de funcionamento:
Sextas-feiras - das 18h às 23h
Sábados - das 17 às 23h

Site: http://www.restauranteasseama.com.br/
Facebook :  www.fb.com/RestauranteAsseama


OFICINA DE CULINÁRIA BAIANA VEGANA


 RIO DE JANEIRO -  DIA 02/12 às 14 hs

OFICINA DE COMIDA BAIANA VEGANA

Restaurante Bardana Equilíbrio Natural

Aprenda a fazer deliciosos pratos baianos sem ingredientes de origem animal.
100 % sem crueldade ! 

Mais informações com Manjericão Cooperativa Vegana 
Email: cooperativamanjericao@gmail.com


SEMINÁRIO POLÍTICAS PÚBLICAS, DIREITOS E DEFESA DOS ANIMAIS


Com o objetivo de promover um momento de discussão sobre a importância de políticas públicas efetivas para a defesa dos direitos dos animais, o Dep. Federal Ricardo Izar, Presidente da Frente Parlamentar do Congresso Nacional em Defesa dos Animais e o Dep. Estadual Fernando Capez realizarão o Seminário: Políticas Públicas, Direitos e Defesa dos Animais que acontecerá no dia 22 de novembro deste ano às 19h no Auditório Paulo Kobayashi na Assembleia Legislativa de São Paulo – Av. Pedro Álvares Cabral, 201, Ibirapuera, São Paulo.


Somente por meio de ações conjuntas entre poder público e sociedade civil mudaremos os cenários atuais e estabeleceremos leis que assegurem os seus direitos, protejam contra toda forma de maus tratos e punam rigorosamente seus agressores.

“Chegará o dia em que os homens conhecerão o íntimo de um animal e neste dia, todo crime praticado contra os animais serão crimes contra a humanidade.” L. da Vinci.

Palestrantes:

Deputado Federal Ricardo Izar Jr – Presidente da Frente Parlamentar do Congresso Nacional em Defesa dos Animais
Deputado Estadual Fernando Capez
Dr. Francisco Cavalcanti – Presidente do Conselho Regional de Medicina Veterinária do estado de São Paulo.
Médica Veterinária Dra. Rosangela Ribeiro da WSPA (Sociedade Mundial de Proteção  Animal)
Silvana Andrade – Presidente da ANDA (Agência de Notícias de Direitos Animal)
George Guimarães – VEDDAS (Vegetarianismo Ético, Defesa dos Direitos Animais e Sociedade)

 

20 de nov de 2012

ESPETINHO DE LEGUMES E COGUMELOS


Uma receita bem saborosa!
Nesta receita temos aporte de fibras, vitaminas e minerais (vindos dos legumes) e uma ótima fonte proteica (cogumelos).
Nela temos um bom exemplo do consumo balanceado de nutrientes para uma boa refeição.

Estes espetinhos podem ser acompanhados e uma porção de arroz integral com gergelim torrado para decorar. Apetitoso e saudável!


Ingredientes:


6 tomates cereja
6 pimentões verdes
3 cebolas
6 cogumelos frescos grandes

Ingredientes - Marinada:


1 limão;
1 colher (chá) de gengibre picadinho; - 1 dente de alho espremido
1 punhado de folhas de manjericão picadinho
azeite de oliva
sal



Preparo:

Retire as sementes dos pimentões e corte-os em pedaços. Corte as cebolas em cubos de 3 centímetros. Retire os talos dos cogumelos e corte-os em pedaços. Prepare os espetinhos alternando os ingredientes. Coloque os espetinhos na marinada e deixe descansar por mais ou menos uma hora. Grelhe os espetinhos cerca de 10 minutos e sirva.


Fonte : Nutrição Holistica


CUPCAKE DE FRUTAS VERMELHAS ( VEGANO )


 Cupcake de Frutas Vermelhas

Ingredientes:

3 xícaras de farinha de trigo

2 xícaras de açúcar
2 colheres (sopa) de fermento
200g de iogurte de frutas vermelhas
1/2 xícara de óleo
1 1/2 xícara de leite de soja
Pedaços de morango, amora, cereja, framboesa a gosto

Modo de Preparo:

Peneire a farinha, o açúcar e o fermento, misture bem com o auxílio de um batedor de mão. Adicione o iogurte e misture bem. Adicione o óleo e misture. Por último adicione o leite de soja, bata por cerca de 5 minutos e leve para assar em forminhas de papel acomodadas em formas de empada, em forno baixo pré-aquecido, por cerca de 35 minutos.
Se desejar, antes de levar para assar coloque uma cereja dentro de cada cupcake.


Fonte: Projetovegan Blogspot



16 de nov de 2012

PAUL McCARTNEY FAZ CAMPANHA CONTRA CONSUMO DE PERU NO DIA DE AÇÃO DE GRAÇAS



Vestindo uma camisa com a mensagem " Não coma peru", Paul McCartney faz campanha contra consumo de peru no dia de Ação de Graças: "Celebre a vida neste feriado. Seja Vegetariano!"

 Em uma campanha lançada pela PETA, ONG norte americana de defesa dos direitos dos animais, o cantor britânico Paul McCartney pede para os americanos dizerem "Não, obrigado!" ao peru servido no tradicional jantar de Ação de Graças.

 "Não sabe como preparar um cardápio vegano para o dia de Ação de Graças deste ano?
Veja as receitas deliciosas e sem crueldade que Paul McCartney cozinhará e tente convencer sua família e amigos com algumas opções de prato sem carne", indicou a PETA em seu site.

Mais de 300 milhões de perus são mortos nos EUA a cada ano.
Mais de 45 milhões são mortos para o Dia de Ação de Graças, quando são, tradicionalmente, servidos como prato principal. Um feriado tão sangrento como o Natal, quando cerca de 22 milhões de aves também são sacrificadas.

A maioria dos perus mortos por comida são criados em condições artificiais, amontoados aos milhares em armazéns sem janelas, onde a doença, o sufocamento e ataques cardíacos são comuns. Os perus são drogados e criados para crescer de forma anormal, e tão rapidamente que suas pernas são, frequentemente, incapazes de suportar seu próprio peso. Inúmeras aves morrem lentamente de fome a poucos centímetros dos alimentos pois ficam aleijadas e são incapazes de se mover.

Vegetariano desde a década de 70, Paul McCartney é membro honorário e participante ativo das campanhas do PETA

"Se os matadouros tivessem paredes de vidro, todos seriam vegetarianos. Nós nos sentimos melhores com nós mesmos e melhores com os animais, sabendo que nós não estamos contribuindo para o sofrimento deles." - Paul McCartney


 
Fonte : PETA

13 de nov de 2012

CASAL VEGETARIANO DETÉM O TÍTULO DE CASAMENTO MAIS DURADOURO DO MUNDO


O casal indiano Karam, 107 anos, e Katari Chand, 100 anos, casados há 87 anos,  ganharam o título do Guiness Book do casal com o casamento mais duradouro do mundo.
Eles têm 8 filhos e 28 netos.
O casamento deles durou quase cinco anos mais do que os últimos detentores do Guinness World Record.
Eles falaram ao Daily Mail sobre a importância da comunicação aberta, risadas e uma dieta vegetariana para seu casamento.
“Meu truque é fazer Katari rir. Ouvi dizer que rir faz você viver mais tempo... Minha esposa ainda está viva,  então, deve ter funcionado!”, disse Karam..
“Eu costumava preparar-lhe uma agradável e fresca refeição todas as noites. Somos vegetarianos então eu comprava um monte de vegetais frescos e me assegurava de que ele estava comendo alimentos saudáveis.
A saúde é muito importante e eu queria cuidar dele para que pudéssemos envelhecer
juntos.
Alguns diriam que funcionou!",
disse a esposa, Katari. 

A dieta baseada em vegetais têm sido frequentemente ligada ao aumento da longevidade.

They maintain that the key to standing the test of time in marriage is looking after each other in every way possible


Fontes:
Daily Mail
VegNews



10 de nov de 2012

60 SEGUNDOS DE REALIDADE


Por que essas pessoas estão chocadas ?

Porque elas acabaram de descobrir a verdade sobre a criação intensiva de animais para consumo, em um vídeo de 60 segundos.

"Se os matadouros tivessem paredes de vidro, todos seriam vegetarianos." disse Paul McCartney 
Então, um grupo de defensores dos animais encontrou uma maneira de trazer o matadouro para a calçada.
Todos os sábados, os voluntários Jennifer Mennuti e Boyd Weidman exibem o vídeo "Pecuária em 60 segundos direto" da ONG PETA para aqueles que transitam pela agitada Lincoln Road, em Miami.
Para muitas pessoas, é a primeira vez que estão olhando para os rostos dos animais que eles chamam de "bife", "presunto" ou "nugget".
Um fotógrafo pegou algumas das reações das pessoas, e parece que Paul estava certo.

O mini-documentário "A Pecuária Em 60 Segundos Direto” é um mergulho rápido e doloroso na verdade sobre a criação intensiva de animais para consumo.

A PECUÁRIA EM 60 SEGUNDOS DIRETO


Assista e descubra a realidade que não querem que você saiba.






Não financie uma indústria cruel que não possui nenhum respeito pela vida de seres sencientes.
Repense seus hábitos alimentares.
Você não precisa matar animais para viver com saúde.
Informe-se sobre o Vegetarianismo eo Veganismo.

Fonte: PETA



"EVERY DAY" BY JO FREDERIKS


"Para os animais, todas as pessoas são nazistas; para eles o mundo é uma eterna Treblinka."

- Isaac Bashevis Singer
( Escritor Judeu. Prêmio Nobel de Literatura. Vegetariano. )

Pintura feita pelo artista australiano Jo Frederiks, intitulada "'Every Day' ( Todo dia ).

Por favor, faça a conexão.
Desperte!


*Treblinka - Campo de extermínio nazista

7 de nov de 2012

Através de Ação Judicial movida pelos Advogados da Faro-RJ, Justiça proíbe a realização de rodeios em Mangaratiba


A FARO-RJ ( Frente Abolicionista de ROdeios) , com o apoio dos grupos KATUMBAIA, HAT e SVB-RIO, obtiveram mais uma vitória na luta pela fim dos Rodeios!

Através de Ação Judicial movida pelos Advogados veganos da Faro, a Justiça proibiu a realização de rodeios e quaisquer atividades congêneres durante a 23ªExpo Cultural de Mangaratiba dos dias 7 a 11 de novembro.

Foram dois rodeios proibidos em menos de 1 mês.
A primeira vitória foi a proibição da realização de rodeios durante a XVI ExpoSeropédica 2012.

A FARO-RJ também conta com o suporte da Polícia Federal do Rio de Janeiro no combate ao crime contra animais.
Abaixo segue o representativo Ofício encaminhado à Prefeitura de Mangaratiba, nesse ato representado por sua Secretaria de Turismo e Eventos, pela Delegacia de Repressão a Crimes contra o Meio Ambiente e Patrimônio Histórico (Delemaph) da Polícia Federal, na figura do Delegado FÁBIO SCLIAR.


SAIBA MAIS SOBRE A FARO (Frente Abolicionista de Rodeios) 

Em 2009, em mais um sábado de atividades de uma Barraquinha vegana, na zona sul do Rio de Janeiro, em meio as ebulições do Festival Vegano Internacional, um grupo de ativistas se reuniu para fazer dar forma uma organização que pudesse, de modo contínuo e multimodal, contribuir com a proibição de atividades de rodeio e congêneres em todo o território nacional.
Isto porque, em 2006, uma de suas ativistas havia entrado com Representação junto ao MPF, anexando diversos meios de prova obtidos durante a ida do grupo ao Parque Ana Dantas, onde se realizavam vaquejadas.
Tal ato, somando-se a novos meios de prova produzidos pela mesma advogada, durante a vaquejada de 2009, contribuiu para que o juiz federal que apreciava a respectiva Ação Civil Pública determinasse, em Sentença, a proibição da realização de vaquejadas naquele Parque.
Hoje, a Frente Abolicionista de ROdeios – FARO, é responsável por três ações judiciais. Duas delas com a obtenção de liminares proibitivas de atividades de rodeios e congêneres: a primeira em face do Rodeio de Volta Redonda, hoje proibido por Lei e, as duas últimas, para proibir rodeios e congêneres em Seropédica.


PARTICIPE

O objetivo da FARO é o fortalecimento de sua organização em cada núcleo do Brasil onde se realizem atividades de rodeios, vaquejadas, cavalhadas, horse shows etc. Para isto, basta reunir um grupo de voluntários, organizarem uma agenda de planejamento, monitorando os rodeios locais e organizarem-se em pequenos grupos, para a ida ao local dos eventos, a fim de produção dos meios de prova, quais sejam, fotos, vídeos, anotação de números de placas de veículos, nome de pessoas responsáveis e tudo o mais que possa favorecer a feitura de uma Ação Judicial.

Para saber mais sobre a FARO acesse :

www.fb.com/FaroFrenteAbolicionistaDeRodeios

Ou envie um email para :  frenteabolicionistaderodeios@gmail.com.



6 de nov de 2012

TOFU CREAM ( ECOBRAS )




O Creme de tofu, apresentado em 4 sabores deliciosos ( Defumado, Ervas FInas, Cebola e Alho e Original ), pode ser utilizado como patê vegetal ou na preparação de molhos, recheios, quiches, pizzas etc., substituindo os ingredientes convencionais.


Validade: 03 meses
Certificadora: Ecocert
LIVRE DE TRANGÊNICOS, SEM COLESTEROL E LACTOSE
NÃO CONTÉM GLÚTEN 

Os alimentos produzidos pela Ecobras são feitos à base de soja orgânica e são muito saborosos.


5 de nov de 2012

BARRY HORNE - ATIVISTA PELOS DIREITOS DOS ANIMAIS



    Barry Horne, nascido em Northampton, Inglaterra (17 de março de 1952), foi um ativista pelos direitos animais, condenado a 18 anos de prisão por suas ações em prol da libertação animal que veio a falecer na prisão, em 5 de novembro de 2001, após a sua terceira greve de fome que durou 68 dias e pedia a atenção do governo britânico para o pleito dos animais explorados em laboratórios. Suas ações enquanto estava encarcerado iniciaram uma onda de ações pela libertação animal e sua memória inspira ativistas até hoje.

   Barry Horne é um exemplo de determinação e dedicação à causa animal e a data de sua morte deve ser lembrada por todos que lutam pela libertação animal.
  Leia um trecho de uma carta que Barry Horne escreveu da prisão durante a sua última greve de fome:
“É sempre mais fácil ver as razões pelas quais não podemos ser bem-sucedidos, sempre mais fácil balançar os ombros e acreditar que o melhor que podemos fazer é tentar, quase que como uma ação de consolo. Sem acreditar no sucesso, o sucesso se torna difícil de ser alcançado, quase uma impossibilidade. Assim como a libertação animal na verdade, [que dizem ser] um conceito impossível. No entanto, sabemos que não é, ou senão pelo que estamos lutando?
Nunca devemos temer o sucesso das nossas ações ou deixar de acreditar nele. E nunca devemos temer querer alcançar as estrelas, se isso for preciso. [...] como poderíamos pedir por menos? Fazer isso é condenar tantos animais a uma vida de sofrimento e morte. Acredite em mim, é chegada a hora de alcançar aquelas estrelas e acreditar que isso é possível.”



ONG AUSTRALIANA LANÇA CAMPANHA DE CONSCIENTIZAÇÃO EM FAVOR DOS ANIMAIS


"Imagine um mundo sem fábricas de criação de animais.
Torne Isso Possível !"

Essa é a proposta da campanha lançada pela ONG Animals Australia.
O vídeo da campanha começa com um porquinho, cheio de esperança, que busca inspirar os outros animais, que também estão encarcerados nas fábricas de criação de animais, a acreditarem em um futuro melhor, cantando a canção "Somewhere ( There´s A Place For Us )", que em Português significa "Em algum lugar ( Há um lugar para nós)".
Em seguida, entre alguns depoimentos, é mostrado ao espectador a crueldade a qual a indústria submete que esses animais e os impactos que essa produção em massa de animais gera ao meio ambiente.
A ONG pretende levar a campanha para a TV abertado país, a fim de atingir mais espectadores.





Fontes:



3 de nov de 2012

ISAAC BASHEVIS SINGER


Isaac Bashevis Singer (1904-1991), judeu e Prêmio Nobel de Literatura, foi um escritor que abordou brilhantemente a temática vegetariana, em várias de suas obras.
A tese de Bashevis Singer é clara: todos nós, seres humanos, por conta de nossos hábitos de consumo e de nossa cultura antropocêntrica, somos responsáveis por um crime monstruoso, um verdadeiro holocausto animal.
O vegetarianismo de Bashveis Singer é bastante antológico, sendo citado, por exemplo, pelo escritor Moacyr Scliar no seu prefácio à coletânea “47 Contos de Isaac Bashevis Singer”, publicada pela Companhia das Letras em 2004. A menção de Scliar ao vegetarianismo de Singer, porém, não é lá muito abonadora, expressando bem o senso comum acerca dos vegetarianos, a imagem distorcida que as pessoas em geral têm daqueles que decidem não compactuar com a violência contra os animais e, por isso, optam por uma alimentação sem carne: “Não era fácil conviver com Singer, um homem que tinha suas idiossincrasias; era inclusive vegetariano.”


Singer, nascido na Polônia, filho e neto de rabinos hassídicos, emigrante para Nova York em 1935, construiu um universo ficcional que remete continuamente à infância e à adolescência vividas na Europa e à atmosfera de intensa religiosidade em que foi educado, de onde vêm os elementos predominantes de seu estilo e o estímulo da intenção de rever um “mundo morto”, o das pequenas comunidades judias nas aldeias polonesas (chamavam-se shtetl as povoações ou bairros de cidades com uma população predominantemente judaica). Seus contos, escritos de maneira simples, sem grandes sofisticações – revelando, no entanto, grande capacidade criativa e penetração crítica –, são comparáveis somente aos contos dos grandes nomes da literatura universal, como Guy de Maupassant, Edgar Allan Poe, Hoffman e Machado de Assis. Toda essa criatividade e essa crítica foram, frequentemente, usadas a favor da causa vegetariana.


Um exemplo que fala por si é o seguinte trecho da novela “O Penitente”, em que o narrador, um judeu relapso que decide se voltar à espiritualidade e abandonar as coisas mundanas, tornado-se justo e virtuoso, se questiona sobre a exploração dos animais:

Há muito eu chegara à conclusão que o tratamento do homem para as criaturas de Deus torna ridículos todos os seus ideais e todo o pretenso humanismo. Para que este estufado indivíduo degustasse seu presunto, uma criatura viva teve de ser criada, arrastada para sua morte, esfaqueada, torturada e escaldada em água quente. O homem não dava um segundo de pensamento ao fato de que o porco era feito do mesmo material e que este tinha de pagar com sofrimento e morte para que ele pudesse saborear sua carne. Pensei mais de uma vez que, quando se trata de animais, todo homem é um nazista.


Entre os contos de Bashevis Singer, que se tornou vegetariano na metade da década de 1960, destaca-se a pequena obra-prima “O Abatedor”, que conta a história de um homem, Yoineh Meir, um homem que, pela sucessão natural, seria o próximo rabino de sua aldeia, Kolomir, mas que, por causa de picuinhas dentro da comunidade judaica, acaba sendo preterido por outro.
Para que não ficasse sem fonte de renda, porém, “caridosamente” o nomeiam o novo abatedor ritual da cidade.
E é aí que começa o pesadelo do pobre homem, sujeito de alma sensível e que não suporta a visão de sangue. Frente à sua relutância em assumir a nova ocupação, o próprio rabino lhe diz que o homem não pode ser mais compassivo que o Todo-Poderoso, fonte de toda compaixão (não é mera coincidência qualquer semelhança com o clássico e tolo comentário “mas Deus fez os bichinhos para serem Comidos” que vegetarianos ao redor do mundo, há séculos, são obrigados a escutar todos os dias).
Quando Singer desembarcou em Estocolmo, no dia 6 de dezembro de 1978 para receber o Prêmio Nobel, foi cercado por dezenas de jornalistas que o bombardearam com dezenas de perguntas: “Por que o senhor escreve em iídiche?”; “Quais os escritores que mais o influenciaram?”; “O senhor está feliz pelo fato de o novo Papa ser polonês?”; “O senhor é vegetariano por motivo de religião ou por motivo de saúde?”.
Singer só respondeu a esta última pergunta, legando-nos o que talvez seja a mais perfeita síntese da sua veg-visão de mundo: “Eu estou mais preocupado com a saúde dos animais do que com a minha própria.”



Algumas citações de Singer :

“Não haverá justiça enquanto o homem empunhar uma faca ou uma arma e destruir aqueles que são mais fracos que ele.” 

"Eu não tenho dúvidas que é parte do destino da raça humana, na sua evolução gradual, parar de comer animais."

“Quando um humano mata um animal para comer, está a negligenciar a sua própria fome por justiça. O homem reza por misericórdia, mas está relutante em estende-la aos outros. Porque que o homem há de esperar misericórdia de Deus? É injusto esperar uma coisa que não estás disposto a dar.”




2 de nov de 2012

EMPRESA GAÚCHA LANÇA SORVETE VEGANO


A empresa gaúcha Trivialy lançou recentemente a linha Soy Cream®, um sorvete de soja sem lactose e sem colesterol.
Assim como os demais sorvetes da Trivialy, o Soy Cream® é produzido com gordura ZERO TRANS. 

Uma sobremesa deliciosa, refrescante e SEM CRUELDADE !


Os produtos Trivialy são vendidos em supermercados, mercados, padarias, lojas de conveniências, fruteiras, sorveterias, lojas de congelados, entre outros. Atualmente, atende, através da matriz: Porto Alegre e região, incluindo as praias; e pela distribuidora em Pelotas, toda a região até o Chuí.


---------------------------------------------------

Sorvetes Veganos para quem mora no Rio de Janeiro ou em São Paulo :

Confira - Sorvetes Veganos Tofutti


1 de nov de 2012

1/11 DIA MUNDIAL VEGANO



Em 1994, o dia 1º de Novembro foi estabelecido como o Dia Mundial Vegano pelo presidente da mais antiga instituição vegana do mundo, a "Vegan Society" ( Sociedade Vegana ).

O termo inglês vegan (pronuncia-se vígan) foi criado em 1944, numa reunião organizada por Donald Watson (1910 - 2005) envolvendo 6 pessoas (após desfiliarem-se da The Vegetarian Society por diferenças ideológicas), onde ficou decidido criar uma nova sociedade (The Vegan Society) e adotar um novo termo para definir a si próprios e todos aqueles que quisessem ir além da dieta no boicote contra a exploração animal.
Trata-se de uma corruptela da palavra "vegetarian", em que se consideram as 3 primeiras letras e as 2 últimas para formar a palavra vegan.
Em português se consideram as três primeiras e as três últimas letras (vegetariano), na formação do termo vegano.



O que é veganismo?


O veganismo é uma postura ética baseada na não-exploração de todos aqueles que são capazes de sofrer e de prezar por sua vida e liberdade.
É a ampliação dos nossos horizontes morais para além das fronteiras de espécie, do mesmo modo que já superamos as de raça e as de sexo.

O veganismo propõe o respeito para com todas as espécies com as quais dividimos o planeta.

Pessoas em todo o mundo comprovam que a dieta vegana propicia inúmeros benefícios a saúde. Além disso, é cada vez mais evidente que a exploração dos animais está diretamente relacionada a problemas ambientais que estão devastando nosso planeta como: o desmatamento, a poluição das águas e atmosfera. No entanto a população está apática devido à falta de informação e conhecimento sobre o assunto.


Repense seus hábitos alimentares.
Informe-se sobre o veganismo.
Você pode viver sem explorar os Animais!


Saiba mais sobre o Veganismo AQUI